th.jpg

Geralmente pessoas com Autismo têm dificuldade de pegar na caneta e na tesoura, por isso é importante trabalhar com a Coordenação Motora Fina, para que possa aprender a escrever, como explicamos no link abaixo:

ESCREVER

Captura_de_Tela_2019-01-09_às_17.39.02.p

O canal do Youtube CEI Desenvolvimento Humano apresenta vários vídeos explicando como treinar certas habilidades, como PERMANECER SENTADO, ESPERAR, etc. Para acessar o canal, clique no link abaixo:

PERMANECER SENTADO

IMG_7354.jpg

Outra forma de treinar que a criança assista a TV sentada, por exemplo, é você ficar com o controle e, se a criança se levantar, você desliga ou pausa, explicando que para assistir TV, tem que ficar sentada. Assim você estará aproveitando a hora de descanso para ensinar alguma coisa!

A mamãe Denisse Gassid ensinou assim a fofa Duda, que antes não queria parar quieta e agora já assiste a TV sentadinha, conforme vídeo abaixo:

PERMANECER SENTADO- TV

ALFABETIZAÇÃO

No evento @ico_project, a pedagoga Sara Yoshikawa, do @atividade_adaptada indicou este livro para o ensino da leitura, para crianças com dificuldade de aprendizado. 

RELÓGIO

Veja que demais essa dica do IG @sindrome_de_asperger_autismo para ensinar as horas.

NÚMEROS 

Veja a dica do site @atividade_adaptada:

"Separando aplicativos para o curso de matemática da 👉🏼 @learn.educacao


Esse é o TODO MATH, funciona em português e inglês. Você pode baixar grátis e jogar uma parte dos jogos para testar o app, e ir pagando e abrindo mais tarefas aos poucos. Vale testar!
​"

BRINCAR COM DINHEIRINHO 

Fazer brincadeiras com dinheirinho, como fazer compras e calcular o troco, por exemplo, são muito estimulantes para aprender a fazer contas.

Image-1.png

Se um objetivo parece muito distante, quando fracionamos em pequenos passos, ele pode ir se tornando aos poucos cada vez mais possível. 

Neste sentido explica o IG @danibotelhoaba:

"A análise de tarefas é o processo de dividir uma habilidade em componentes menores e mais gerenciáveis. ⠀⠀
⠀⠀
Uma vez concluída a análise da tarefa, ela pode ser usada para ensinar aos alunos com TEA uma habilidade que é muito difícil/complicada para ensinar de uma só vez. ⠀⠀
⠀⠀
Outras estratégias, como ensino por tentativas discretas, modelar com vídeo e reforço, podem ser usadas para ensinar os componentes individuais/menores, construindo um sobre o outro, até que a habilidade seja concluída.⠀⠀
⠀⠀
Primeiro passo:⠀⠀
Identificar a habilidade alvo⠀⠀
Professores / profissionais identificam a habilidade alvo que desejam ensinar ao aluno.⠀⠀
Fazer um sanduíche, colocar a blusa, lavar as mãos, escovar os dentes, arrumar a mesa do jantar, ir ao banheiro, usar o microondas, etc...⠀⠀
⠀⠀
Segundo passo:⠀⠀
Identificar as habilidades de pré-requisito do aluno e os materiais necessários para ensinar a tarefa.⠀⠀
⠀⠀
Terceiro passo:⠀⠀
Professores / profissionais dividem a habilidade em etapas menores para que⠀⠀
que um aluno possa demonstrar com êxito a habilidade seguindo cada etapa.⠀⠀
⠀⠀
⠀⠀
ANÁLISE DA TAREFA EXEMPLOS⠀⠀
⠀⠀
Lavar as mãos⠀⠀
1. Abrir a torneira⠀⠀
2. Molhar as mãos⠀⠀
3. Pegar o sabão⠀⠀
4. Ensaboar as mãos⠀⠀
5. Enxaguar as mãos⠀⠀
6. Fechar a torneira/água⠀⠀
7. Secas as mãos⠀⠀
⠀⠀
Escovar os dentes (SIMPLIFICADA)⠀⠀
1. Colocar pasta na escova⠀⠀
2. Molhar a escova⠀⠀
3. Escovar os dentes⠀⠀
4. Cuspir a água⠀⠀
5. Enxaguar a boca"

FRACIONAR OBJETIVOS

th.jpg

Sempre que foram treinadas novas habilidades, recomenda-se o uso de Roteiros Visuais, com o passo-a-passo do que se espera que seja feito, conforme link abaixo:

ROTEIROS VISUAIS

th-1.jpg

Para dicas de inclusão e adaptação escolar, Direitos e outras dicas, clique no link abaixo:

DICAS ESCOLA

MÉTODO FÔNICO

Para crianças com Autismo, geralmente a maneira mais fácil de alfabetizar é através do Método Fônico, ou seja, ensinando primeiro os sons de cada letra para construir a mistura destes sons em conjunto e alcançar a pronúncia completa da palavra. Afinal, pessoas com Autismo geralmente são literais, então podem não entender a união das letras, se considerar a nomenclatura delas, exemplo: B (bê) + A = Bea, ao invés de BA). Por isso, é recomendável ensinar o som de cada letra.

BRINCAR COM AS LETRAS

É recomendável também brincar com as letras, conforme vídeos das fofas gêmeas do IG @autismogemelar e outros.

BRINCAR COM AS LETRAS

Veja mais brincadeiras das fofas gêmeas do IG @autismogemelar e outros.

BRINCAR COM AS LETRAS

É recomendável também brincar com as letras, ouvir músicas, etc., conforme vídeos das fofas gêmeas do IG @autismogemelar e outros.

MÚSICAS DO ALFABETO

Há diversos vídeos de músicas do Alfabeto no Youtube. Vale à pena assistirem e cantarem juntos nessa fase da alfabetização.

ALFABETO PERSONALIZADO 

Para fixar melhor, é interessante criar um alfabeto para a criança, usando nomes de seus amigos, familiares, personagens e interesses favoritos, como esse alfabeto do Matheus, por exemplo. 

DICAS ALFABETIZAÇÃO 

Maria Cláudia Brito dá dicas para alfabetização de crianças com Autismo. Acesse mais dicas no seu canal do Youtube. 

DICA DE JOGO 

Há diversos jogos que você pode brincar com a criança estimulando a alfabetização, como este SÍ-LA-BAS da Grow. 

LIVROS PRIMEIRAS PALAVRAS 

Além disso, há diversos livros de primeiras palavras, que podem ser aproveitados também na fase da alfabetização. 

EXERCÍCIOS ALFABETIZAÇÃO

APLICATIVO para estímulo de ALFABETIZAÇÃO para Android desenvolvido por um jovem brasileiro de apenas 15 anos com Autismo (grau leve), Matheus Vieira @ms_vitorino @hildetetimoteo

.

Para BAIXAR, pesquise pelo nome   ALFAMATH na PLAYSTORE.

LETRAS MAIÚSCULAS E MINÚSCULAS

Segue dica de uma atividade legal para treinar as letras minúsculas após aprender as maiúsculas, do IG @bemtequerobabysitters. 

Veja também a dica do site www.gestaoeducacional.com.br sobre quando devemos usar as letras maiúsculas e minúsculas no link abaixo:

QUANTOS TEM?

Contando com o Matheus

Please reload

APLICATIVO APRENDER A CONTAR

Este aplicativo tem versão em português e ajuda a ensinar a contar de forma divertida, estimulando também a coordenação motora fina, já que é necessário contar clicando com o dedo indicador em cada item.

Please reload

HIPERLEXIA

Um dos mais fascinantes fenômenos cognitivos de algumas pessoas com autismo é a presença das denominadas “ilhas de habilidades especiais”, tornando-os PRODIGIOSOS em uma habilidade específica, quando isto ocorre com letras e números precocemente, denomina-se HIPERLEXIA. Foi o que aconteceu com o Matheus!

Claro que não se deve estimular o interesse restrito sem função, mas, como fiz no caso do Matheus, aproveitei este INTERESSE para DESENVOLVER outras HABILIDADES, em especial suas maiores DIFICULDADES - a LINGUAGEM e a INTERAÇÃO. 

Entenda mais sobre HIPERLEXIA, como explica o site www.entendendooautismo.com.br:

"CARACTERÍSTICAS DA HIPERLEXIA EM AUTISTAS

Os distúrbios que compõem o grupo do TEA (Transtorno do Espectro Autista) ainda suscitam muitas dúvidas entre pais, professores e vários profissionais de diferentes áreas, principalmente aquelas voltadas para a saúde. O assunto de hoje tenta debruçar sobre as características da hiperlexia em autistas.

O autismo por si só é responsável pela preocupação de todos os adultos que tenham, em seu convívio, alguma criança que fuja do comportamento adequado. No entanto, não podemos generalizar a conduta de uma pessoa com o transtorno pelo fato de cada uma delas apresentar uma peculiaridade. Embora todas elas demonstrem uma nítida dificuldade de interação.

No caso da hiperlexia, por exemplo, o autista pode ter facilidade notável com a habilidade da leitura; por outro lado, a comunicação oral é, na maioria das vezes, bem aquém do esperado. Esse caso é corriqueiramente confundido com a síndrome de Asperger. Atenção para não confundir.

Talvez a associação se deva ao fato de a criança ter facilidade para reunir as sílabas, formar palavras e até ler uma frase inteira.

 

Lembrando, no entanto, que a informação lida nem sempre é compreendida pelo pequeno, o que deslegitima qualquer justificativa equivocada de que tal habilidade tenha origem em algum método de ensino.

O detalhe que precisa ser levado em conta é de que a hiperlexia em autistas deve ser acompanhado por profissionais. As intervenções são multidisciplinares e requer muita participação dos pais.

Veja abaixo os detalhes das características manifestadas pelas crianças:

– Pessoas diagnosticadas com hiperlexia costumam demonstrar facilidade para identificar os símbolos (letras isoladas). Tudo isso a partir dos 18 meses de vida. Aos três anos, as crianças já conseguem formar palavras e até ler algumas frases; capacidade precoce;

– Contudo, os pequenos têm grandes dificuldades em lidar com a comunicação oral e a identificação de fonemas;

– Problemas para a interação com outras pessoas;

– Os testes de Q.I. feitos em uma criança hiperléxica dão resultados mais favoráveis a ela do que em autistas sem esse distúrbio;

– Inadequação para o uso das palavras quando usadas na fala;

Importante saber

Apesar das características apontadas, a capacidade de leitura precoce pode ser um importante meio de comunicação.

O que causa a hiperlexia?

Ainda não existe um consenso entre estudiosos acerca do transtorno, o que dá margens para muitas teorias. No entanto, alguns pesquisadores vêm, há décadas, trazendo hipóteses para o que deve ser a causa da hiperlexia.

O que fazer?

 

Procurar acompanhamento especializado com profissionais que podem oferecer todo o suporte para a saúde mental da criança; assim como a habilidade de interação do pequeno.

O aluno hiperléxico e autista no ambiente escolar

Embora a inclusão seja ideal para a vida de uma pessoa, a vida acadêmica do estudante estará condicionada à evolução do transtorno associado ao autismo. Como cada paciente apresenta uma característica peculiar, é aconselhável conversar bastante com os profissionais que oferecem a intervenção. Somente com o aval deles,  torna-se possível uma resposta sobre a situação escolar da criança.

O que os pais jamais devem se esquecer é que eles podem e devem estimular o contato do pequeno com os demais colegas e familiares da mesma faixa etária. A interação com os outros pode ser algo construído.

ATIVIDADES QUE ESTIMULAM A APRENDIZAGEM E ALFABETIZAÇÃO

 

Luciana Brites dá dicas que estimulam a aprendizagem.

ENSINANDO MATEMÁTICA

 

No evento @ico_project, a pedagoga Sara Yoshikawa, do @atividade_adaptada, demonstrou seu método.

 

Inspirada em algumas dicas, fiz uma atividade com o Matheus ensinando como SOMAR, primeiro de forma concreta com Lego (um de seus brinquedos favoritos) e depois de modo formal (acadêmico), fazendo a conta na lousa. Na etapa de somar, segui a dica - minha vez, nossa vez e sua vez.

 

Como ele não sabia somar e não estava interessado, combinei que ao acabar ele ganharia um 🍫 BIS (REFORÇO).

 

ATENÇÃO: Para ensinar a soma, são pré-requisitos saber IMITAR, focar a ATENÇÃO, atender COMANDOS, conhecer os NÚMEROS, saber CONTAR e outros. Antes de iniciar, TREINE bastante e avalie se os pré-requisitos estão firmes para evitar frustrações e dê toda a AJUDA necessária.

 

No caso de crianças não-verbais, é possível usar imagens dos números nas horas da resposta Verbal. 

Captura_de_Tela_2019-03-07_às_23.58.18.p

Clique no arquivo PDF abaixo para acessar o caderno de atividades de Educação Infantil para treino de alfabetização e números:

ATIVIDADES

Captura_de_Tela_2019-03-08_às_00.05.19_e

Clique no arquivo PDF abaixo para acessar caderno de atividades de Educação Infantil para treino de alfabetização e números:

QUEM COMEÇA COM ESSA LETRA

Captura_de_Tela_2019-03-08_às_00.11.46.p

Clique no arquivo PDF abaixo para acessar:

NUMERE AS PALAVRAS

Captura_de_Tela_2019-03-08_às_00.16.25.p

Clique no arquivo PDF abaixo para acessar:

NÚMEROS

Captura_de_Tela_2019-03-08_às_01.51.27.p

Clique no arquivo PDF abaixo para acessar:

NÚMEROS

  • Facebook App Icon
  • Twitter App Icon
  • Google+ App Icon

© 2023 by Grace Homecare. Proudly created with Wix.com