Autismo Tem Tratamento

QUAL O MELHOR TRATAMENTO

Neurocientista Mayra Gaiato

Nossa mestre explica que as terapias comportamentais (ABA) são os tratamentos que apresentam resultados cientificamente comprovados. Alerta que devemos tomar cuidado com tratamentos alternativos e que prometem cura, mas a cura ainda não existe! 

Please reload

 

TRATAMENTOS ALTERNATIVOS - CUIDADO!!!

 

É preciso ter muito cuidado com tratamentos controversos pela medicina (dieta sem glúten, quelação, homeopatia, etc), em especial tratamentos que prometem a cura sem muito esforço! Não possuem fundamentação científica e podem ser prejudiciais à saúde! É importante não se perder tempo e iniciar o quanto antes com terapias efetivas e comprovadas cientificamente.

 

 

NÃO EXISTE CURA, MAS EXISTE TRATAMENTO!

Ainda não há cura para o Autismo, mas existem várias formas de contornar seus sintomas!

 

TRATAMENTO SÉRIOS

 

Os tratamentos modernos são baseados em estudos científicos comprovados por renomadas instituições.

 

PLANO INDIVIDUAL DE TRATAMENTO

 

É necessário criar um plano individual, de acordo com as necessidades de cada criança.

TRATAMENTO RECOMENDADO 

De acordo com as maiores referências no Mundo sobre o Autismo, o tratamento mais recomendado é o ABA (Denver), conforme entrevistas com Dr. Erasmo Barbante Casella, neuropediatra do Hosp. Albert Einstein e Dr. Carlos Gadia, diretor do Miami Childrens Hospital. Para saber mais, acesse no respectivo link dos itens ABA e DENVER abaixo:

DR. CARLOS GADIA

Entrevista Mayra

Dr. Carlos Gadia explica que, entre os tratamentos cientificamente comprovados para o Autismo, quase todos estão baseados na Análise Aplicada do Comportamento (ABA). Saliente-se que o Denver é também baseado no ABA e é indicado para crianças com menos de 4 anos. 

DR. CARLOS GADIA

Entrevista Autistólogos

Dr. Carlos Gadia explica que são necessárias pelo menos 10h de intervenções semanais e que a experiência dos profissionais e o envolvimento dos pais são imprescindíveis. 

DR. CARLOS GADIA

Mitos e Verdades sobre o Tratamento

Segue relatório da palestra do Dr. Carlos Gadia no Rio de Janeiro.

DR. ERASMO BARBANTE CASELLA

Neuropediatra Hospital Albert Einstein

Dr. Erasmo explica que os tratamentos mais recomendados e que são comprovados cientificamente são o ABA / DENVER. 

Please reload

TRATAMENTO - PRINCIPAIS MODALIDADES

Veja um resumo sobre as formas mais recomendadas de tratamento:

ORIENTAÇÃO DOS PAIS

Nem mesmo o melhor terapeuta do mundo poderá fazer sozinho um bom trabalho em poucas horas semanais. São os pais ou cuidadores que convivem com a criança a maior parte do tempo e por isso devem ser regularmente informados e treinados sobre os estímulos que deverão realizar na rotina e como lidar com cada dificuldade, a cada etapa do tratamento. 

O Modelo Denver ensina muito os pais a participarem das terapias para saber como estimular seus filhos e dar continuidade àquilo que é aprendido nas terapias.

ENRIQUECIMENTO DO AMBIENTE (5 Sentidos)

Oferecer um ambiente doméstico rico em estímulos sensoriais diversos, estimulando os 5 sentidos, com exposições a diferentes fragrâncias, escutar diferentes ritmos musicais, etc.

Para saber mais sobre Sensibilidade e Terapia de Integração Sensorial, clique no link abaixo:

MEDICAÇÃO

Não existe medicação para o Autismo, mas há medicações que podem amenizar alguns sintomas, mas devem ser evitados e deve-se recorrer aos mesmos apenas quando não se tem êxito apenas com as demais terapias (para amenizar hiperatividade, concentração, ecolalia, etc.)

Para entender melhor, acesse o link abaixo:

TERAPIA COMPORTAMENTAL

Terapia que trabalha com as habilidades, como olhar nos olhos, conversar, reconhecer expressões faciais, etc. Há vários exemplos em nosso site de como aplicar os estímulos neste sentido, nas páginas Interação, Linguagem, etc. As terapias podem ser aplicadas com algumas estratégias, como o Modelo Denver, o Método ABA, etc., conforme veremos abaixo.

TERAPIA OCUPACIONAL + INTEGRAÇÃO SENSORIAL

Terapia que estimula o desenvolvimento das habilidades cotidianas, com o objetivo de se obter maior independência.

É muito comum nos Autistas a dificuldade em processar as sensações do próprio corpo, em virtude do desequilíbrio nos sentidos, como hiper ou hiposensibilidade tátil, auditiva, olfativa, do paladar e da visão. Neste caso, é importante aplicar a Terapia de Integração Sensorial, com a função de organizar estas sensações. Geralmente são trabalhadas na Terapia Ocupacional, como abordamos no respectivo link abaixo:

FONOAUDIÓLOGO

Para treinamento da fala e dicção.

Método ABA

Conforme já dissemos acima, o Método ABA é uma maneira de realizar as terapias, usando reforçadores positivos. Este é basicamente o método utillizado nos vídeos de terapias nas demais páginas deste site.

ABA Naturalístico (Denver)

Trata-se de um evolução do Método ABA (que tem a fama de ser muito rígido e repetitivo). O Método Denver (assim como outros métodos naturalísticos) têm basicamente a mesma linha, mas de uma forma mais afetiva e buscando o interesse da criança, através de brincadeiras. Na verdade, foi desta maneira que procuramos também sempre trabalhar!

Como já dissemos acima, é possível aplicar várias metodologias nas terapias, o Modelo Denver e PRT são os mais efetivos e recomendados para crianças com menos de 5 anos. Para saber mais sobre este modelo, clique no link abaixo. 

Mediador Escolar